DESPREZO: PREFEITA DE PENTECOSTE NÃO APOIA DIA DO EVANGÉLICO PELO TERCEIRO ANO CONSECUTIVO « ADRIANO FURTADO

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

DESPREZO: PREFEITA DE PENTECOSTE NÃO APOIA DIA DO EVANGÉLICO PELO TERCEIRO ANO CONSECUTIVO

Postado Por: ADRIANO FURTADO  |  Em:

 
Pastor Samuel Pessoa
Os evangélicos do município de Pentecoste estão indignados com a gestão municipal e com prefeita Ivoneide Moura.

De acordo com o presidente do COMEPE – Conselho de Ministros Evangélicos de Pentecoste, Pastor Samuel Pessoa, pelo terceiro ano consecutivo, a gestão “Construindo o Futuro”, ignora a classe e não apoio na realização do “Dia do Evangélico”, que acontece na semana do município.

Através de seu Blog, o Pastor Samuel publicou nota de indignação contra gestão da prefeita Ivoneide e pediu respeito, pois são mais de quatro mil evangélicos no município, 22 denominações e 60 templos erguidos, com um trabalho social reconhecido.

Importante lembrar, que o Dia do Evangélico em Pentecoste é comemorado no dia 21 de agosto, e foi instituído através de lei aprovada pela Câmara Municipal.  


Confira a Nota!!!

MINHA INDIGNAÇÃO

Quero externar meu protesto e minha indignação a essa atual gestão de Pentecoste, pelo tratamento dado a nós evangélicos.
Pelo terceiro ano consecutivo não tivemos o mínimo de apoio, nem se quer o cumprimento da lei que nos assegura o apoio irrestrito ao dia do evangélico, que a partir de 2014 também por lei aprovada na câmara e sancionada pela prefeita passou a ser o dia 21 de agosto.
Em 2013 foram nos oferecido 2 horas aproveitando o palco e uma  banda de forró, que iria se apresentar às 22 horas, eu não me prestei a esse papel, mais os que foram, disseram que  era os irmãos descendo e a banda subindo.
2014 mais uma vez zero, a alegação que iria gastar com poço profundo, ficamos calados finalmente água é uma prioridade.
Agora 2015, (15) dias antes da data do evento fomos informados que não teríamos nada novamente, sobe o pretexto que era uma ordem do governador, então decidimos fazer apenas um culto bem especial em praça pública.
Com ajuda de amigos e participações das igrejas contratamos uma banda, o som  e um preletor, pois cantores temos aqui em nossas igrejas.
Quando colocamos o anúncio na rua do evento, mais que de repente surge a noticia de que a prefeitura iria bancar uma banda e uma cantora para a última noite do município.
Não estou aqui dizendo que nossos amigos não merecem, pelo contrário é um direito, o que questiono é, porque que para nós os evangélicos sempre há uma desculpa.
Porque dois pesos e duas medidas? Ou acham que temos cara de palhaço, somos quase 4.000 evangélicos hoje no município  22 denominações e aproximadamente 60 templos erguidos.
Já é hora de sermos reconhecidos e mais que isso respeitado, pois desenvolvemos um papel muito importante no meio social, ou só somos importantes na hora do voto?
Não estou me escondendo por traz de um computador, se quiserem posso falar também ao vivo, porque vontade e coragem não me faltam.



                                   Pastor: Samuel Pessoa

0 comentários:

:: públicidade ::

:: públicidade ::
A MAIOR RECOMPENÇA DO NOSSO TRABALHO NÃO É AQUILO QUE NOS PAGAM POR ELE, E SIM, AQUILO EM QUE ELE NOS TRANSFORMA

ASSINE NOSSO E-MAIL E GRATIS