DANILO FORTE DENUNCIA VIOLÊNCIA NO CEARÁ « ADRIANO FURTADO

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

DANILO FORTE DENUNCIA VIOLÊNCIA NO CEARÁ

Postado Por: ADRIANO FURTADO  |  Em:



A violência no Ceará tomou proporções assustadoras e os números da criminalidade já superam os de São Paulo. A denúncia foi feita pelo deputado Danilo Forte (PMDB-CE) em pronunciamento na Câmara Federal apresentando estatísticas da própria Secretaria de Segurança Pública do Estado do Ceará, disponíveis na internet.

Em um comparativo entre os assassinatos em Fortaleza, nos três primeiros meses de 2013, e São Paulo, no igual período, o parlamentar lembra que ocorreram 662 homicídios dolosos na capital cearense, uma média de 165 por mês, ou cinco assassinatos por dia, enquanto na capital paulista, com uma população 4,5 maior, a média é de108 assassinatos por mês.

Danilo Forte classificou de macabra a constatação de que a maior democratização ocorrida em nosso País deu-se com a violência, atingindo pessoas de todos os níveis sociais, de todas as idades, com maior número de ocorrência entre os jovens, pela própria condição de vulnerabilidade decorrente da idade e exposição em áreas de risco.

O parlamentar destacou ainda que o medo e insegurança não são mais privilégios das capitais. "A desconcentração econômica, que culmina em novos polos de atração de investimentos, somado às deficiências do aparelho do Estado e da Segurança Pública contribuem para a atração da criminalidade e da violência no País. O que mais se ouve e lê nos noticiários é a migração de facções criminosas, de grupos organizados, para o Nordeste".

No Ceará, de janeiro a abril, 1.356 pessoas foram assassinadas, um aumento de 29% em relação ao mesmo período de 2012. Foram 339 mortes intencionais todo mês, ou 11 extermínios todo dia. Danilo Forte conclamou os deputados a fazer o debate sobre "a guerra civil" instaurada e anunciou que irá apresentar projetos de lei endurecendo o tratamento dispensado pelo Estado a criminosos. 


Fonte: Diário do Nordeste

0 comentários:

:: públicidade ::

:: públicidade ::
A MAIOR RECOMPENÇA DO NOSSO TRABALHO NÃO É AQUILO QUE NOS PAGAM POR ELE, E SIM, AQUILO EM QUE ELE NOS TRANSFORMA

ASSINE NOSSO E-MAIL E GRATIS